quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

Astrofotografia com EQ-1 e lente 75-300mm zoom.

  Ewertonn Dourado mostra o que dá pra fazer com esse setup barato e portátil.


A lente usada pelo Ewertonn custa pouco mais de 600 reais em sites como o Mercado Livre.

Antes de começar este post, devo confessar: nunca simpatizei com as lentes zoom econômicas, como os modelos 18-200mm, 18-135mm ou a 75-300mm tema deste post, mas estas lentes atraem muitos fotógrafos pelo fato de que são muito baratas em comparação ao modelos da linha L. Por exemplo, a lente Canon EF 75-300mm F4.0-5.6 III custa menos de 200 dólares no Estados Unidos, enquanto para adquirir uma Canon EF 70-300mm F/4-5.6L IS USM você terá que desembolsar seis vezes essa quantia.

A diferença mais visível da 75-300mm para sua irmã 70-300 da série L é o estabilizador de imagem (IS), mas não é só este recurso, que é inútil em Astrofotografia de céu profundo, que faz o modelo L custar mais de mil e duzentos dólares. 19 elementos ópticos do modelo L contra 13 da 75-300mm certamente garantem uma imagem superior através da lente mais cara.

Pra ser mais honesto, eu também não indicaria sequer esse modelo L para Astrofotografia de céu profundo. Lentes com zoom geralmente perdem muita qualidade para manterem o recurso de aumento e Astrofotografia é provavelmente o tipo de fotografia que mais exige da óptica de seu equipamento. Por isso eu sempre prefiro lentes prime, ou fixas, como a barata 50mm F1.8 ou a cara, mas esmerada 200mm F2.8.

Mas para minha surpresas, encontrei o astrofotógrafo Ewertonn Dourado, que está fazendo um trabalho muito interessante com uma lente Canon EF 75-300mm F4.0-5.6 III, a lente zoom econômica. Mais ainda, com uma montagem EQ1 e uma DSLR de entrada ele está conseguindo fotos muito boas com um setup bastante barato para os padrões de equipamentos astrofotográficos. É um exemplo que nesta época de dólar alto pode ser um grande alívio para aqueles que querem começar nessa atividade e não possuem muita munição no cartão de crédito.

Veja abaixo algumas fotos feitas com a lente 75-300mm, EQ1 Celestron Astromaster motorizada e câmera Canon T3 não modificada feitas pelo Ewertonn. Todas as imagens foram capturadas com a lente em sua distância focal máxima (300mm) e com a máxima abertura possível nesta distância (F5.6).

Galáxia de Andrômeda - M31 - Capturada com 428 frames e tempo total de captura de quase 2 horas.

Nebulosa Barnard 33 - Capturada com 176 frames de 30 segundos em ISO 1600. Exposição total de 1hora e 33minutos
Galáxia do Escultor - Capturada com 131 frames de 15 segundos em ISO 1600 .



Repare que o Ewertonn fez as imagem acima com exposições curtas, mas com enorme quantidade de frames. Assim ele conseguiu superar muito as limitações de seu setup. E a lente de 75-300 mostrou algumas aberrações, mas nada que impeça de se começar em astrofotografia de forma divertida. As imagens possuem um razoável nível de recorte (acredito que cerca de metade da área das imagens originais foi retirada), mas isso é algo que eu também faço muito quando estou fotografando objetos menores do que o campo que o meu setup é capaz de capturar. Contando as bordas da imagem o Ewertonn consegue também tirar muito das aberrações da lente, que geralmente são piores próximo a borda. Fiquei admirado principalmente pelo fato de que em todas as fotos feitas por ele com a lente em 300mm de distância focal, ela ficou totalmente aberta em F5.6.

Esta setup: lente econômica, EQ-1 motorizada e câmera DSLR T3 não modificada é provavelmente o setup mais barato para se praticar astrofotografia de céu profundo com razoável qualidade. Sem contar que também possui excelente portabilidade. A Lente 75-300 é vendida por cerca de 600 a 700 reais no mercado livre, enquanto a Canon T3 nova está na faixa de 1400 reais. A montagem EQ-1 pode ser comprada separadamente, mas é mais fácil encontrá-la junto com telescópios. Todo esse equipamento junto custará algo em torno de três mil reais se comprado novo, enquanto um setup formado por uma EQ5 com guiagem e um bom telescópio apocromático, mais uma DSLR modificada, ficaria hoje próximo dos dez mil reais e seria um conjunto muito mais pesado, embora, apresentasse resultados bastante superiores, é claro. 

O Ewertonn começou há pouco tempo a usar esta lente. Por isso, tenho certeza que em breve ele irá nos mostrar novas imagens, para vermos do que uma lente de 75-300mm é capaz.

Vale lembrar que ele esta usando o motor para EQ-1 com controle remoto e bolsa para 4 pilhas grandes. Esse motor é muito superior àquele menor, em que o conjunto todo fica na mesmo corpo e é necessário ficar regulando a velocidade da montagem, o que dá um certo trabalho. Este motor com controle remoto pode ser encontrada no Armazém do telescópio ou no Astroshop.

O Ewertoon usa uma EQ-1 do tipo Astromaster, da Celestron, que é compatível com os motores para EQ-1 padrão, como as da Skywatcher, Orion, e outras da própria Celestron

9 comentários:

  1. Parabéns pelo artigo. Tenho uma T3i, normal, e pretendo praticar com a EQ-1 da SW, motorizada. Como as lentes originais são caras, pergunto se uma das duas a seguir, encontradas no ML, serve:
    Canon 50mm 1.8 Fd ou Lente Ef 50mm F/1.8 Yongnuo Para Canon Yn50mm

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde,
    Tentei achar alguma forma de entrar em contato com você para realizar essa pergunta, mas não achei, então tomei a liberdade de escrever aqui nesse último post (Não sou muito familiarizado com blogs hehe)

    Primeiro, parabéns pelo seu trabalho. Achei o seu blog hoje, e você não sabe o quanto isso aumentou minha vontade de explorar os céus. Eu já gostava muito dessas coisas, mas com faculdade e trabalho nunca parei para ir atrás. Fui tentar ver o cometa catalina a olho nu segunda feira mas sem sucesso, porém, o tempo que passei olhando o céu foi magnífico, despertou ainda mais a minha vontade de explorá-lo e futuramente registrar em fotos assim como você faz. Continue com esse maravilhoso trabalho e belíssimas fotos que você faz. De verdade, você é demais!

    Uma pergunta que queria fazer para você: Eu estou afim de comprar um binóculos (de preferência) ou um telescópio, mas no momento, eu disponho de no máximo 150 reais para fazer isso (casamento marcado haha). Gostaria de ver com você, algum modelo de binóculo ou telescópio nessa faixa de preço para que eu possa usar. Eu sei que eles não fazem milagre, mas sei que é melhor do que a olho nu. Por enquanto, com essa limitação, eu queria um que desse pra olhar a lua e as estrelas; planetas seria um diferencial haha. Poderia indicar um para que eu possa comprar e ir me virando e estudando o céu até que eu possa comprar outro? Prometo que quando estiver tudo certo, vou investir pesado pra competir com as suas fotos haha

    Obrigado e mais uma vez parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa, 150 reais? E com esse dólar? Sinceramente recomendo gastar este dinheiro com bons livros de Astronomia, como Cosmos, do Carl Sagan ou Descobrindo o Universo, dos autores Neil F. Comins e William J. Kaufmann III.

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Rodrigo, parabéns pelo blog e por todo conteúdo seu disponível na internet, tudo de altíssima qualidade.
    Estou iniciando na astrofotografia. Tenho apenas um SW 70mm numa EQ1 sem motor. Minha câmera é uma Canon SX510HS com CHDK. Não consegui montar o setup completo ainda, acho que preciso de algum anel pra acoplar essa câmera no tele. Por enquanto estou fotografando só com câmera mesmo e as fotos são bem simples, frame único em longa exposição, ainda preciso aprender mais sobre como conseguir registrar vários frames e processar eles no computador.
    Sei que preciso investir pelo menos pra ter uma DSLR e estou vendo uma 60D, uma T3i e uma T5i, todas usadas. Tem uma lente 40mm e outra 85mm usadas também. Pelo fato de ser um investimento alto (pra mim no momento) e por entender que é bom que eu explore bem o que tenho disponível antes de investir em upgrades, pergunto a vocês se o setup que tenho em mãos conseguirei fotografar alguma nebulosa ou até Andrômeda ou outros objetos do céu profundo.
    Tem alguma dica/sugestão pra mim como iniciante na astrofotografia?
    Obrigado de antemão! abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adriano, acho que você consegue algo, mas tire o telescópio da jogada, use somente a câmera sobre a montagem. Mas você precisa de um motor. Mas uma DSLR consegue fotografar muito bem em tripé fixo. Sinceramente. Eu venderia a câmera, o telescópio e comprava uma DSLR, depois expandia o setup.

      A Meire Ruiz astrofotografa com uma câmera como a sua. Veja o perfil dela no Face: https://www.facebook.com/meire.ruiz?fref=ts

      Excluir
    2. Opa...sua opinião foi muito importante rapaz! Irei pensar em investir numa câmera melhor mas sem abrir mão do telescópio, ele me proporciona belas observações, apesar de que acho que não demorarei para obter um refrator de maior abertura.
      Por hora, sem ter capital a investir, irei me concentrar em aprender usar os programas de empilhamento e o poder limitado do setup que possuo.
      Obrigado por me indicar o perfil da Meire Ruiz, irei acompanhar os registros dela.

      Excluir
  5. Rodrigo, gostaria de saber se existe algum grupo de astrofotografia para compra e venda de materiais. Estou procurando uma montagem dessas EQ1, mas não encontro em canto nenhum! e o motor? onde posso encontrar! parabéns pelas fotos!!! grande abraço! Outra, não achei nenhum perfil do Ewertonn Dourado

    ResponderExcluir

Eu tenho me esforçado para responder todos os comentários, mas posso demorar um pouco, ou mesmo esquecer algum. Por isso, peço paciência e não fiquem constrangidos de me darem um toque, caso eu esteja demorando demais.