sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Se a Astrofotografia fosse sua namorada, como ela seria?

Você não esperava encontrar uma foto assim neste blog, esperava? Mas essa garota representa bem como o astrofotógrafo brasileiro vê o seu hobby.

Estamos no meio de janeiro. Faz cerca de um mês que não tenho uma única noite em que exista a mínima possibilidade de se fazer uma boa astrofoto. Sim, essa é uma época que sempre deixa muitos astrofotógrafos pra lá de depressivos. Já escutei de um europeu que na terra dele eles tem nove meses de céu limpo, que as noites sem nuvens são muito mais frequentes do que no Brasil. Sem contar que eles (e astrônomos amadores de muitos outros países do mundo) ganham mais e pagam muito menos do que a gente pelos equipamentos de Astrofotografia, que também podem ser encontrados numa variedade muito maior do que aqui, entre muito outras vantagens.

Sim, não é fácil ser astrofotógrafo no Brasil.  Ainda assim nosso castigado país tem os seus Astrofotógrafos, alguns com bastante destaque, que continuam perseverantes, esperando por uma noite de céu limpo enquanto acompanham assustados seus salários em reais perder valor frente ao dólar e ao Euro. Mesmo assim, estes heróis continuam completamente apaixonados pelo que fazem. Foi por isso que cheguei a uma conclusão inusitada sobre praticar astrofotografia no Brasil, que vou compartilhar com vocês. Espero que entendam o meu senso de humor.

"Praticar Astrofografia no Brasil é como namorar a garota mais vagabunda do bairro. Todos os seus familiares e amigos vão dizer que você é louco por estar saindo com ela. Ela nunca vai te ajudar a pagar conta alguma, pelo contrário, vai te dar muitas despesas. Ela vai passar a maior parte do tempo sumida. Você vai ficar meses sozinho, passando os fins de semana olhando para o vazio, esperando que ela se lembre que você existe. Muitas vezes ela vai te ligar, dizer que está doida para ficar com você. Você vai ficar eufórico, se arrumar, preparar um jantar especial para ela. Então vai receber uma mensagem dizendo que fica pra outro dia. E tentando esconder sua decepção você vai trocar de roupa, desfazer a mesa de jantar e ir para cama sozinho.
Você sempre vai gastar um tempo explicando para as pessoas por que continua saindo com ela. "- Tem tanta garota melhor por aí!". Todos dizem, "Arranja alguém que pelo menos não fique seis meses sumida", você ouve. E no fim você quase dá razão a estas pessoas. Xinga a sua namorada dos nomes mais feios e pensa: "ela deve achar que eu sou mesmo um idiota!". E jura que está tudo acabado.

Mas eis que numa noite qualquer, quando você menos esperava, ela aparece, linda e deslumbrante. E vocês tem uma noite maravilhosa, onde nada mais no mundo importa. E você só quer ficar ali, torcendo para que aquela noite não acabe nunca. Então você
lembra a razão por que continua com ela
. Apesar de todas as dificuldades. Você é completamente apaixonado por ela. E isso não se explica em palavras, por que não existe justificativa para uma paixão. E se namorar com ela é ruim, só uma coisa seria pior para você: não namorar com ela.

Um grande abraço a todos e que 2016 nos traga noites apaixonadas de céus limpos.

19 comentários:

  1. Caramba que belo tópico,isso resume o drama de muitos astrofotografos,não sou um mas passo por algumas destas coisas nas minhas observações,como por exemplo agora,a namorada sumiu a uns 10 dias ( o céu não fica limpo a uns 10 dias ). Mais uma vez,belo tópico,parabéns.

    ResponderExcluir
  2. Valeu João Victor! Depois que você leu corrigi alguns errinhos de escrita.
    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Meu caro Rodrigo Andolfato, que sacada genial essa. Amigo, ótima análise com uma boa dose poética. A metáfora é perfeita. Enfim, Belo Artigo. Parabéns pelos excelentes artigos (todos eles) e parabéns pelo teu empenho e pela tua paixão ao Cosmo. Valeu! Um abraço!

    ResponderExcluir
  4. Olá amigão..sou reporter fotografico e cinematografico...estou engatinhando na astrofotografia...na vdd não tirei nenhuma foto até agora com o telescópio ( que por sinal é bem simples )...só chove aqui em Santos...rs...achei muito legal a comparação..rs...até compartilhei na minha pagina no Face...kara...um feliz 2016...e que até o fim do ano eu consiga pelo menos uma foto legal...forte abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu amigo! Um feliz 2016 para você também.

      Excluir
  5. Rodrigo muito legal tudo que você escreveu e tem toda uma triste realidade exatamente como você descreveu, parabéns, como sempre gosto muito de tudo o que você posta, muitas lições tenho tirado de seu blog, obrigado.

    Desde setembro de 2014 o tempo aqui em SC principalmente no Vale do Itajaí está péssimo, do tipo nem vale a pena retirar a tralha para observações, infelizmente.

    Abraço, Cadore.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Eldio, eu já estava sentindo a sua falta aqui no Blog. Aqui em Brasília até deu pra fazer alguma coisa até outubro, mas depois fechou. O lado bom é que pude concentrar-me no livro :). Acho que em fevereiro termino.

      Excluir
    2. Errata: eu quis dizer "setembro de 2015".


      Rodrigo estou sempre de olho no seu blog, não tem como perder rsss. Aqui é pura aula, pura informação, tudo de bom. Quando você aborda novas técnicas dai então eu me rendo kkk...
      Parabéns e obrigado, sobre seu livro se for pra acabar logo que fique fechado o tempo então kkk... brincadeirinha... Bons céus.

      Excluir
  6. Perfeita a descrição haha. No caso eu tenho uma namorada diurna e uma noturna. E a noturna vi pela última vez no dia 15 de setembro. 4 meses desaparecida :(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caramba Samuel. Eu sei como você se sente. Valeu pelo comentário!

      Excluir
  7. Excelente texto! Uma triste realidade... (no caso até que engraçada, não? hahaha). Afinal já são alguns mêses sem ter a oportunidade de montar o equipamento ou quando monto o céu não colabora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Rodrigo! Se tem uma coisa que me chateia é montar o equipamento e o céu fechar, quando isso acontece eu fico mais desconfiado do que mineiro em dia de feira e só monto o setup quando vejo na previsão que vai ficar muitas semanas aberto.

      Excluir
  8. Relação complicada. Mas sou paciente. Sou pediatra e sou casado há 17 anos. Mas tem hora que a astronomia amadora me tira do sério.

    ResponderExcluir
  9. Olá! Boa tarde Rodrigo!
    Pretendo comprar um telescópio para o meu filho de 11 anos que vive me ensinando algo sobre estrelas, constelações e planetas.
    Após ler muito material na web acabei encontrando o teu Blog.
    Estou lendo ele desde os primeiros posts (2009) e a leitura é fácil e fluída, mesmo para quem não sabe quase nada sobre Astronomia ou Astrofotografia!

    Cheguei neste texto e ele é uma delícia!!!! Eu diria que este texto cabe como uma luva para os Astrofotógrafos mas também é perfeitamente aplicável em outras carreiras!!!

    Parabéns pelo espaço e pelas dicas!

    Agora um pedido, mesmo sabendo que o teu tempo é curto: me ofereceram um refrator skywatcher 90mm az3, usado. As oculares creio que são as fornecidas junto com o telescópio.

    Meu filho tem interesse em observação mas já vi pela "conversinha" com ele que está inclinado para registros fotográficos.

    Tenho uma Nikon D60 antiga e uma pequena Cybershot. Gostaria de saber se:

    - este telescópio seria recomendável para ele iniciar as observações (ele utiliza um pequeno binóculo)?

    - conseguiria acoplar a Nikon ou a Cybershot para fazer algum registro?

    Forte abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Rogério. Desculpe a demora para responder.
      Um telescópio de 90mm AZ3 é muito bom. eu já tive um por muitos anos e olha, tem hora que dá vontade de comprar um de nove, pois é um excelente aparelho para observações rápidas de planetas, lua e aglomerados abertos mais brilhantes. Para Deep Sky é um pouco escuro, só vai servir pra algo num céu com muito pouco poluição luminosa.

      Excluir
    2. quanto a câmera, é possível acoplar, principalmente a Nikon, mas só vai fazer planetárias. Uma montagem equatorial faz muita falta para céu profundo.

      Excluir
  10. Rodrigo! Sou muito grato por responder as minhas dúvidas. Se que o teu tempo é curto.
    Te desejo muita sorte nos projetos e aproveito para agradecer pelo blog pois é uma otima referência para os leigos e acredito que também para os avançados.

    Forte abraço

    ResponderExcluir
  11. Ah, sim!!!
    Desculpe a resposta anterior! Estava utilizando tablet da minha esposa e não me atentei que respondi logado com o usuário dela!!!

    ResponderExcluir

Eu tenho me esforçado para responder todos os comentários, mas posso demorar um pouco, ou mesmo esquecer algum. Por isso, peço paciência e não fiquem constrangidos de me darem um toque, caso eu esteja demorando demais.